Cadastro

Horários dos Cultos

  • Seg a Sex: Oração - 7 a 8hs
  • Segunda: Núcleos Familiares
  • Quarta: Quarta da Benção - 20hs
  • Quinta: Desperta Débora - 15hs
  • Sexta: Seminário - 19h30m
  • Sábado: União Jovem - 19h
  • Domingo: EBD - 8h30m

Culto da Família - 18h 

 

Batista Ebenézer

Arrependimento PDF Imprimir E-mail
Escrito por Pr Luis Antonio de Carvalho   
Sex, 23 de Setembro de 2011 20:25

arrependimento

 

 

(Atos 2: 38-39; Ezequiel 18: 30-32).


Quebra-gelo: Se você pudesse ver uma pessoa importante se convertendo, quem seria?


INTRODUÇÃO.


Para se converter e mudar, é necessário arrepender-se. A palavra grega traduzida por arrepender-se é "metanoia", que significa "ter outra opinião, mudar o curso depois de uma maior compreensão". O verdadeiro arrependimento é uma mudança completa de pensamento e ação, nos apartamos do pecado, submetemos nossa vida e fazemos de Jesus nosso verdadeiro Senhor.


COMENTÁRIOS.


Existem três elementos importantes no verdadeiro arrependimento, são eles:

 

  • O arrependimento envolve o reconhecimento de nosso pecado e seu horror aos olhos de um Deus Santo. Deus quer que vejamos o nosso pecado e vejamos a nossa posição diante dEle.
  • O arrependimento envolve um sentimento profundo de ofensa e lamentação (Salmos 51:9). Sentiremos o peso total do mal em nossas vidas. Este sentimento só pode ser tirado quando recebemos o perdão de Deus (II Coríntios 7:9-10).
  • O arrependimento é uma mudança de opinião, de coração e de propósito, definitivamente, mudando toda direção da vida de alguém. É uma mudança de sentimento e principio de uma nova vida sob o poder de Deus.


PERGUNTAS.

 

  1. 1.Porque não é suficiente só nos sentir mal pelos nossos pecados?
  2. 2.Em termos práticos, o que envolverá o arrependimento verdadeiro em nossa vida diária?
  3. 3.Quando seguimos o caminho de Deus em vez de nosso, o que governará o nosso coração? (Colossenses 3: 15-17).

 

CONCLUSÃO E APLICAÇÃO.

 

Necessitamos nos arrepender e dar as costas aos nossos costumes pecaminosos e voltarmos a Deus e seguir seu caminho. Ele nos ama, nos conhece e só deseja o melhor para nós. Necessitamos destronar o "eu" das nossas vidas e nos oferecermos a Deus para ser Sua propriedade.