Cadastro

Horários dos Cultos

  • Seg a Sex: Oração - 7 a 8hs
  • Segunda: Núcleos Familiares
  • Quarta: Quarta da Benção - 20hs
  • Quinta: Desperta Débora - 15hs
  • Sexta: Seminário - 19h30m
  • Sábado: União Jovem - 19h
  • Domingo: EBD - 8h30m

Culto da Família - 18h 

 

Batista Ebenézer

Inicial Mensagens Grupo Familiar MORDOMIA DOS BENS
MORDOMIA DOS BENS PDF Imprimir E-mail
Escrito por RL   
Sáb, 16 de Junho de 2012 14:32


E a todo o homem, a quem Deus deu riquezas e bens, e lhe deu poder para delas comer e tomar a sua porção, e gozar do seu trabalho, isto é dom de Deus. (Eclesiastes 5:19)

QUEBRA GELO: O QUE VO FARIA SE TIVESSE MUITO DINHEIRO?

 

INTRODUÇÃO.


A Palavra de Deus ensina que toda riqueza pertence a Deus, e nós somos seus mordomos. Deus tem o direito de propriedade, e o cristão o direito de posse, isto é, o direito de usar os bens materiais enquanto estiver neste mundo. O cristão verdadeiro reconhece que Deus é quem lhe concede, através do trabalho adquirir fortuna. (Deuteronômio 8:18; Jeremias 27:5).

 

  1. OS BENS MATERIAIS.

 

  • Deus é o dono dos nossos bens. (Êxodo 19: 5-6; Salmos 24: 1 e Ageu 2: 8).

  • A capacidade de adquirir os bens vem de Deus. (Deuteronômio 8: 15-18, I Crônicas 29: 12 e Eclesiastes 5: 19).

  • Os bens tem duração limitada. (Salmos 39: 6, Salmos 49: 16-17, I Timóteo 6: 7).

 

  1. MAU USO DOS BENS MATERIAIS.

 

  • Quando os bens são adquiridos de forma desonesta. (Provérbios 11: 1, Romanos 12: 17, I Pedro 2: 1).

  • Quando deixa de ser servo para ser senhor do homem. (Mateus 19: 23, Lucas 16: 13, I Timóteo 6: 10).

  • Quando leva o homem a esquecer-se de Deus. (Deuteronômio 8: 11-14).

  • Expõe o homem a grandes tentações. (Mateus 13: 22 e I Timóteo 6: 9).

 

  1. BOM USO DOS BENS MATERIAIS

 

  • Quando são usados para a glória de Deus. (I Coríntios 10: 31).O dinheiro não pode subir aos céus mas pode realizar coisas celestiais na terra.

  • Quando os valores espirituais tem a primazia. (I Reis 3: 11-13, Mateus 6: 33).

  • Quando a ajuda ao próximo é lembrada. (Mateus 25: 31-40, Atos 4: 34-35, I Timóteo 6: 17-19).

  • Temos um estilo de vida simples. (I Timóteo 6: 7-10, Mateus 8: 20).

 

CONCLUSÃO.


Como estudamos, os bens devem ser encarados sob o ponto de vista divino. Desta forma consagraremos os mesmos e o usaremos de forma agradável a Deus. Devemos carimbar tudo o que temos com o seguinte lembrete: Dado por Deus, prioridade de Deus, para ser usado para os propósitos de Deus.